N E W S

O Covid-19 colocou a saúde na agenda de todas as empresas. As empresas se adaptaram ao trabalho remoto, reconfiguraram os espaços de trabalho físicos, revisaram as redes de logística e suprimentos e alteraram os procedimentos operacionais para lidar com os efeitos da pandemia. Nunca antes a conexão direta entre a saúde da população global e nossa prosperidade econômica foi tão visivelmente demonstrada.

Mas o que acontece depois? Novas pesquisas do McKinsey Global Institute mostram que fazer investimentos prudentes na saúde da população mundial pode melhorar drasticamente a qualidade de vida das pessoas, proteger contra riscos negativos, como pandemias, e levar a grandes retornos econômicos devido ao aumento da produção e produtividade. A vantagem para a economia e a sociedade seria enorme: uma oportunidade econômica de US $ 12 trilhões, centenas de milhões de vidas salvas e melhor saúde em toda a população global.

Em um novo relatório," Priorizando a saúde: uma receita para a p...

No atual momento corporativo, o ônus consequente à COVID 19 traz impactos profundos na produtividade, na saúde e na segurança assim como novos desafios para a proteção do capital humano. Uma maior atenção à saúde e ao bem-estar da força de trabalho está, mais do que nunca, na agenda das empresas e, abordagens inovadoras contribuirão para revigorar o desempenho e a capacidade funcional, com ressonância positiva na produtividade e na qualidade de vida dos empregados.  

Efeitos colaterais no ambiente corporativo:

  • Aumento na procura por ações em saúde mental/ visitas a psicólogos e psiquiatras

  • Amplo consumo de medicamentos antidepressivos e ansioliticos

  • Crescimento e consolidação do trabalho virtual

  • Introdução de estratégias em prevenção e promoção de saúde

  • Treinamento na gestão pessoal da saúde

  • Fortalecimento da cultura pró-saúde

Esse cenário se traduz em reforço da atenção à legislação, responsabilidade social, redução de custos, imagem corporativa,...

Com a experiência de trabalhar com profissionais de saúde antes e durante a crise do coronavírus e os 29 anos combinados de pesquisa no mundo da inteligência emocional, além de inúmeras pesquisas, os autores descobriram que é fundamental que os profissionais de saúde prestem atenção a seus vidas emocionais para permanecerem eficazes e saudáveis ​​- especialmente em tempos de crise. 

Eles estabelecem quatro áreas nas quais os trabalhadores e líderes devem prestar atenção:

1 - Autoconsciência (dando um momento para reconhecer suas próprias necessidades emocionais e físicas). Pergunte a si mesmo:

  • Estou ciente das minhas emoções?

  • Estou ciente de como os estou expressando e impactando os outros?

  • Qual é o tom da minha conversa interna?

  • Minhas necessidades humanas básicas estão sendo atendidas

2 - Autogerenciamento (gerenciando suas emoções para que não se rompam).

  • Tenho uma maneira eficaz de navegar em gatilhos emocionais?

  • O que está dentro da minha zona de controle...

19/04/2018

Michael O’Donnell, voltado para a defensa do acesso universal à promoção da saúde nos EUA, publica um white paper de substancial conteúdo para os profissionais que se interessam por saúde.

Vale a leitura...

https://www.artsciencehpi.com/resources/universal-access-health-promotion

20/03/2018

As empresas estão se tornando mais conscientes da importância da saúde e de seu impacto sobre a produtividade e a competitividade.

A saúde da população do mundo em muitos países é cada vez pior.

O aumento de problemas de saúde mental, juntamente com o destaque crescente sobre o bem-estar demanda programas de sucesso.

O curso se concentra em uma abordagem sistemática e abrangente para a saúde e bem-estar.

Veja detalhes em https://www.cph.com.br/certificacao-internacional

18/03/2018

Definitivamente, o tema Saúde está na agenda dos executivos. O investimento corporativo em saúde, antes visto como custo administrativo, passou a ser percebido como valor agregado. O colaborador passou a ser enxergado como um ativo. E um funcionário saudável, vale mais. 

01/03/2018

Conhecer a perda da produtividade devido à má saúde dos empregados e demonstrá-la pelo ponto de vista financeiro é um dos grandes desafios dos gestores de saúde, pelo fato de que os componentes relacionados à perda da produtividade são divididos em econômicos e não econômicos e ainda muito pouco conhecidos. 

A linguagem financeira relacionada à má saúde ainda é precária e ser capaz de traduzi-la e aplicá-la na análise dos resultados e na consequente tomada de decisão exige alinhamento com os princípios econômicos e com os fatores de risco de saúde existentes.

Esse tópico será mais detalhado durante a certificação internacional em saúde realizada pelo CPH em parceria com o Global Centre for Healthy Workplace no Hospital Sirio Libanês nos dias 09 e 10 de Abril.

Mais detalhes em https://www.cph.com.br/certificacao-internacional

26/02/2018

Projeto organizado com dedicação pelo amigo René Mendes, o dicionário temático da área de Saude e Segurança do Trabalhador traz conceitos, definições, história e cultura.

Foi um prazer fazer parte deste projeto inédito, que tem mais  de 1200 tópicos apresentados como verbetes e envolveu 511 autores do Brasil e de mais 15 países.

Parabéns, René! Nos vemos no dia 20 de março na Biblioteca Municipal Mario de Andrade.

20/02/2018

Um tópico interessante e atual.

O modelo que define o conceito de gestão de saúde e produtividade tem sido item cada vez mais importante e estratégico no planejamento dos gestores corporativos de saúde.

Como construir uma estrutura adequada dentro das organizações que seja receptiva a esse conceito passa pelo entendimento do impacto sobre os custos assistenciais da população corporativa elegível.

Identificar os fatores  que determinam esse cenário  e estar familiarizado com o processo, afim de poder implementar um modelo de gestão efetivo, deve fazer parte das habilidades dos gestores .

Entender as principais etapas desse processo e as modificações necessárias no cenário interno é essencial.

O conteúdo da Certificação Internacional que tem início em 09 de Abril no Hospital Sirio Libanês, com a presença de professores do Global Centre for Healthy Workplace, contribuirá para informações atualizadas e consistentes desse processo.

Mais detalhes em https://www.cph.com.br/...

Please reload

Destaques

O dilema pós-Covid 19 na Saúde Ocupacional

01/07/2020

1/4
Please reload

Arquivos
Please reload

Acompanhe
  • Grey LinkedIn Icon
  • Cinzento Ícone Google+
  • Grey YouTube Icon

São Paulo - Brasil contato@cph.com.br

  • White LinkedIn Icon
  • White YouTube Icon
  • Branco Ícone Google+