A FADIGA DO ISOLAMENTO E AS DEMANDAS DO TRABALHO REMOTO



GRUPO SAÚDE CORPORATIVA

A Covid -19 tem confrontado empresas e empregados com os desafios do isolamento social e o trabalho remoto, evidenciando a necessidade de prover ferramentas adequadas, planejamento e apoio assegurando que as pessoas permaneçam saudáveis, conectadas e produtivas. Os gestores estão atentos à estrutura de trabalho correta e além da tecnologia no modo de configurar as expectativas, processos e prioridades.

Se os empregados trabalhando remotamente não tiverem as ferramentas adequadas ou acesso à informações,

se sentirão desconectados e pouco engajados e por isso é vital terem computadores, microfones, câmeras, software e apps certos para o trabalho, que permitam um ecossistema produtivo. Os empregados precisam de fácil acesso a seus colegas de trabalho e um plano para montar grupos dentro de uma agenda com horários planejados para evitar a sobrecarga de reuniões que muitas vezes invadem a vida pessoal.


Essa nova realidade não exige somente equipamentos e processos pois questões como falta de conexão com o ambiente de trabalho e pressões domesticas são parte do cenário e a liderança deve pensar em quais os meios possíveis para ajudar os empregados a gerenciar as expectativas existentes. Significa que os gestores devem ser realistas sobre essas questões.


Trabalhar em casa pode significar mais trabalho. Alguns empregados podem ser menos produtivos e encorajá-los a atingir as tarefas e objetivos diários é um dos papéis da gerência. Se essa parte for bem trabalhada a produtividade cresce e as prioridades melhor enfrentadas. Manter o time conectado é crucial e uma comunicação adequada aumenta a colaboração e a atenção aos clientes, a criatividade e a energia de trabalho. é importante que cada um dos componentes do grupo de trabalho saibam dos objetivos e deadline dos projetos Esse alinhamento contribui para a gestão, maximiza a eficiência e assegura que o trabalho está sendo feito. As reuniões online devem ter objetivos claros, agendas e resultados e informações prévias devem ser enviadas com tempo suficiente para serem conhecidas.


Conectividade é somente um ponto do trabalho remoto. A falha em fornecer o suporte correto pode afetar a motivação, a produtividade e o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal e consequentemente a saúde física e mental. a fadiga e o desanimo podem aparecer facilmente e encorajar alguns pontos podem minimizar esse quadro:


  • Defina o modelo e as expectativas com a família – horários, silencio, tempo de trabalho e momento que pode ser interrompido.

  • Ciclo ultradiano -ponto importante para render mais no trabalho em frente a um computador - esse ciclo faz parte dos ritmos biológicos e é um período bem mais curto que o conhecido ciclo circadiano. Faz parte de funções fisiológicas como os processos celulares, respiração, circulação, secreção hormonal e fases do sono assim como padrões de comportamento. A produtividade faz parte desse ciclo que tem duração entre 90 a 120 minutos e tem ligação com a fadiga mental, Entre 90 e 120 minutos, nossa mente e corpo nos dá sinais de que precisa descansar e mudar a atividade mental e física. Momentos em que a concentração cai a produtividade se vai e a mente começa a divagar. São justamente os momentos depois dos 120 minutos. Ignorar estes sinais nos leva a fadiga, stress e outros sintomas físicos e psicossomáticos. Ou adotando estimulantes como cafeína, nicotina e álcool. Ninguém consegue manter alta produtividade e energia o tempo todo. Daí a importância de fazer intervalos cada 90/120 minutos – levantar, se movimentar, respirar ar fresco, mudar de ambiente para retomar ao trabalho com energia renovada

  • Tenha limites no local de trabalho – importante ter um espaço de trabalho delimitado separado do dia a dia familiar pois privacidade é útil nesse modelo. Usar um fone de ouvido ou sinalizar com um “não interromper” atrás da cadeira ajuda

  • Construa uma rotina e pratique bons hábitos – isso ajuda a trabalhar melhor e com mais efetividade - faça pausas, se hidrate, se alongue, tenha contatos sociais, se alimente saudavelmente são fatores que contribuem para maximizar o desempenho e minimiza o desgaste pessoal

  • Tenha um horário definido para reuniões - trabalhar remotamente não significa trabalhar reativamente. Liberdade para encerrar conversas de última hora e chamadas espontâneas devem existir, particularmente aquelas não ligadas a prioridades

  • Socialize com colegas - o isolamento é um problema humano e por isso é importante se socializar. Participar de chats de interesse comum ajuda no bem-estar emocional

  • Comunicação clara e positiva – essencial para não passar sensação de indiferença ou pouco calor humano. Sinais de felicidade e generosas palavras mantém a autoestima e constroem relações melhores.

GO AHEAD

Destaques
Arquivo
Acompanhe
  • Grey LinkedIn Icon
  • Cinzento Ícone Google+
  • Grey YouTube Icon

São Paulo - Brasil contato@cph.com.br

  • White LinkedIn Icon
  • White YouTube Icon
  • Branco Ícone Google+